EDITORIAL

A SPN realizou de 19 a 21 de Maio, em Monte Real, mais um Forum subordinado aos temas do Comportamento e das Doenças do Movimento. Um evento vocacionado para a formação não só dos mais novos mas também dos restantes membros sempre motivados em se manterem actualizados.

De facto, admite-se hoje que o conhecimento médico se renova na sua quase totalidade a cada 5 anos e na Neurologia, em particular, que tem vindo a conhecer acentuado desenvolvimento em muitas das suas áreas tornando-se assim imprescindível uma atenção especial a esta actividade.

Nessa linha, a SPN concretizou uma parceria que levou à realização em Lisboa do “X World Congress - Controversies in Neurology (CONy) o qual decorreu em Março passado e que teve a participação de mais de 200 portugueses num computo geral um pouco acima dos 900 participantes de 57 países.

Em termos de atracção de eventos internacionais apraz-nos ainda anunciar que a SPN conseguiu assegurar a realização do 4º Congresso da European Academy of Neurology (EAN),o qual decorrerá em Lisboa em Junho de 2018. Este é o evento magno da Neurologia não só europeia como, provavelmente, mundial, sendo esperada uma participação superior a 7000 médicos.

Ainda em termos de anúncios divulgamos a realização em 2017, em substituição do nosso tradicional Forum, mais uma realização conjunta com a Soc. Portuguesa de Neurocirurgia, por amável proposta desta Sociedade à qual nos unem estreitos laços de cooperação e amizade. Recordamos que existe já um histórico de realizações conjuntas: 2009 (Carvoeiro) e 2012 (Porto). Estando esta prevista para o Funchal na segunda quinzena de Maio de 2017.

Finalmente, recordamos o nosso tradicional congresso anual em Novembro, conforme já divulgado. Este evento é focado nas relações das diversas áreas da Neurologia com questões de relacionamento social e estatal. Áreas de referenciação, estruturas de apoio, associações de doentes, rede de cuidados continuados, entre outros. Contamos com a participação de responsáveis políticos e sociais dessas áreas. Antevemos assim debates intensos em questões de tão grande relevância na nossa prática diária.

A adesão dos membros da SPN é o melhor estímulo para prosseguirmos com estas iniciativas.

A Direcção da SPN

 
 

SP AVC

A Sociedade Portuguesa do Acidente Vascular Cerebral – SPAVC é uma Associação sem fins lucrativos, que tem como objecto social, prevenir e reduzir a mortalidade, morbilidade e incapacidade devido ao AVC, promover o estudo, investigação e educação sobre esta doença, mediante a criação de planos de acção e de apoio, identificando os níveis de intervenção mais efectivos, contribuindo assim para a melhoria da saúde em Portugal.

Foi criada em 08 de Março de 2005, constituída por escritura pública, por iniciativa de um conjunto de membros do Grupo de Estudo das Doenças Cerebrovasculares (GEDCV) da Sociedade Portuguesa de Neurologia.

O GEDCV foi constituído em 1995 por um grupo de neurologistas com o propósito de congregar, dentro da Sociedade Portuguesa de Neurologia, as pessoas com um especial interesse pela área das doenças vasculares cerebrais. O Grupo manteve sempre no entanto abertura para acolher como membros médicos de outras especialidades e outros grupos de profissionais da saúde. Ao fim de 10 anos de existência o GEDCV entendeu ser o momento de evoluir no sentido de um projecto mais abrangente e ambicioso dentro da área da doença vascular cerebral, tendo assim dado lugar à criação da SPAVC.

Site: www.spavc.org
Facebook: www.facebook.com/soc.por.avc

 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
junho 2017
D Sb
1 2 3
4 5 6 7 8 9 10
11 12 13 14 15 16 17
18 19 20 21 22 23 24
25 26 27 28 29 30




 

 

Sociedade Portuguesa de Neurologia * Campo Grande, 380 (3K) Piso 0 ? E * 1700-097 LISBOA, Portugal
Tel / Fax.: 21 8205854   TM: 938149887 * sec.spn@gmail.com